Parque Nacional de Vancouver

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Parque Nacional de Vancouver

Mensagem por Mestre do Jogo em Dom 3 Dez - 17:37


As florestas, montanhas e lagos do Canadá são bastante diversificados no que toca a espécies de animais e de plantas. Para além disso, por estes lados não é nada difícil se deparar com um animal selvagem quando se passeia pela Natureza. Estes fatores são quase como um convite a caçadores furtivos, responsáveis por colocar tantas espécies em risco de extinção.

Por esta razão e pelo exponencial crescimento da urbanização, foi decidida a criação de um parque nacional em Vancouver, um dos maiores do país, onde estão agora protegidas muitas das espécies de animais e plantas do Canadá. Este parque está em redor do lago Harrison, a Sudeste do Parque Garibaldi. O lago é basicamente a base de todas as cadeias alimentares do parque, sendo essa a razão de este ter sido construído à sua volta.

O Parque tem prados a Sul, bosques ao centro e pequenas montanhas a Norte, havendo espaço para o habitat de praticamente todas as espécies do Canadá, com exceção das que vivem em ambientes marítmos. Isto é uma ótima contribuição para a manutenção de animais em perigo de extinção como a rã leopardo (Rana pipiens), a Tartaruga de Couro (Dermochelys coriacea), a Coruja-buraqueira (Speotito cunicularia), a Lampreia de Morrison Creek (Lampetra richardsoni) e o Carcajú (Gulo gulo), entre muitos outros. Para além desses animais, neste parque também há lobos cinzentos, caribus, linces canadenses, bois almiscarados, castores norte-americanos, ursos pardos e cabras das montanhas.

Semanalmente fazem-se aqui visitas guiadas a pé, com explicações sobre muitos dos animais e plantas do Parque, onde os visitantes podem ficar a conhecer muito sobre o lado selvagem do Canadá. Mas estas visitas não são economicamente acessíveis a todos, pois o objetivo deste parque não é ser um jardim zoológico, mas sim uma proteção para os animais, tendo como base uma mínima interação do Homem com a fauna e flora deste espaço. Outra razão para as visitas não serem tão frequentes são os casuais encontros com ursos ou lobos, que acabam sempre em confrontos sangrentos.

Estes confrontos com animais acontecem frequentemente com vigilantes do Parque Nacional, mas nestes casos, não costuma acontecer nada de mal. No entanto, já houve casos de mortes, que se supõem ser de lobos, pois o pescoço das vítimas encontra-se sempre rasgado. Mas por alguma razão o resto do corpo continua sempre intacto, com pouco sangue, apenas com ferimentos posteriores à morte, não relacionados com a sua causa. Isto cria muitas dúvidas em relação ao animal que matou os vigilantes, visto que todos matam apenas por necessidade. A justificação dada é a de que atacaram para se defender, mas isto não justifica o sangue, assim como é muito pouco provável que um profissional faça um lobo sentir-se ameaçado.

Apesar de ser ilegal entrar no parque sem autorização, e difícil trespassar as barreiras de segurança, há alguns aventureiros que o fazem só pelo desafio, já que é difícil os vigilantes poderem detectar a presença de pessoas num espaço tão grande. No entanto, quem o faz, está por sua própria conta. Não é aconselhável estar sozinho e desprotegido quando se encontra um urso, ou qualquer outro perigo…

_________________
Bem-vindos aos Jogos!!!
avatar
Mestre do Jogo
Administrador

Masculino
Câncer Macaco
Número de Mensagens : 1051
Data de nascimento : 28/06/1980
Idade : 37
Localização : À procura de jogadores
Emprego/lazer : Mestre de Jogos
Humor : O melhor possível
Data de inscrição : 13/12/2008

RPG
Geração: Antediluviano Antediluviano
Clã: Administradores Administradores

Ver perfil do usuário http://vampiro.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum