Lobisomens

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Lobisomens

Mensagem por Mestre do Jogo em Qui 29 Jul - 0:30

Lobisomens


Os vampiros são criaturas urbanas e sempre foram. Contudo, além da facilidade de acesso às suas presas há mais motivos que os mantêm presos a seus domínios urbanos. Muitos vampiros que tentam cruzar os terrenos abertos morrem antes de chegar a seus destinos. Eles caem nas garras dos inimigos ancestrais dos Cainitas: os Lupinos
- os lobisomens.

Nem mesmo os historiadores mais antigos entre os Cainitas sabem dizer quando a guerra entre os vampiros e os Lupinos começou.

Tanto quanto se sabe, o ódio entre as duas espécies existe desde o aparecimento delas. E, como acontece em qualquer rixa, cada morte alimenta ainda mais a fogueira da hostilidade.

Nenhum vampiro é capaz de sair ileso de um combate contra uma matilha de lobisomens; a lenda conta que até mesmo Matusaléns já caíram sob as garras dos Lupinos (ou as presas de seus próprios semelhantes logo em seguida a um confronto do qual tenham saído vitoriosos, porém enfraquecidos).

Até hoje, essa guerra entre os Lupinos e os Cainitas continua. Os vampiros odeiam, ressentem-se e até temem os lobisomens e seus ataques de fúria. Quanto à perspectiva dos lobisomens sobre a guerra, pouco se sabe. Alguns estudiosos do ocultismo postulam que os lobisomens empenham-se em arrasar a civilização moderna, reduzindo a humanidade ao primitivismo tribal para que eles possam governar o mundo incivilizado novamente. Se isso for verdade, os vampiros, como senhores dos territórios urbanos, pareceriam estar "atrapalhando a passagem". Outros estudiosos rebatem, dizendo
que os Lupinos são capazes de "farejar" vampiros e que eles perseguem os Membros como parte de alguma Jyhad religiosa deles.

Os Lupinos, por sua parte, recusaram-se a explicar suas ações - e os Membros preferem vê-los extintos a alcançar alguma paz tardia, por isso a carnificina continua.

Em alguns lugares do mundo, existem rumores sobre outros tipos de licantropos - os homens-jaguares na Bacia Amazônica, os espíritos-raposa no Oriente, e até mesmo uma agremiação urbana de licantropos que fervilham sob os túneis dos Nosferatu. Contudo, se tais criaturas existem, elas são ainda mais esquivas do que os Lupinos e ainda não se mostraram. Considerando a quantidade de problemas que os Cainitas têm com os lobos às suas portas, os Membros não têm nenhuma pressa em enfrentar metamorfos de outras espécies.

PODERES E FRAQUEZAS

• Os Lupinos podem assumir a forma de lobos e de humanos, assim como formas intermediárias que associam características de ambas. A mais aterradora de todas é sua forma de combate de "homem-lobo", uma máquina de matar de 3 metros de altura, com
cabeça de lobo, que inspira um terror sobrenatural nos humanos. Quando nesta forma, seus Atributos Físicos são duplicados, mas eles não podem usar os Atributos Sociais em relação a outras criaturas que não os próprios lobisomens e as feras selvagens (exceto para intimidar ou aterrorizar, evidentemente).

• Os Lobisomens podem atacar várias vezes a cada turno, e costumam realizar duas a seis ações num único turno (como o uso da Rapidez, com a diferença de que não há restrição por pontos de sangue). Eles também entram em frenesi tão depressa quanto qualquer Brujah e, quando estão nesse estado assassino, não perdem nenhum ponto de vitalidade devido a ferimentos.

• Os Lupinos curam-se com incrível rapidez, regenerando um nível de vitalidade a cada turno. Somente o fogo, a prata, ou as garras e dentes de outras criaturas sobrenaturais (como as presas de um vampiro) são capazes de provocar ferimentos duradouros num lobisomem, sendo que eles são capazes de curar mesmo esses ferimentos da mesma maneira que os humanos. Mas, o pior é que os lobisomens conseguem absorver esse dano com facilidade. Considere que todos os tipos de dano - contundente, letal e agravado - podem ser absorvidos com o Vigor normal do lobisomem. Entretanto,
como eles são seres vivos, o dano por contusão aplicado a eles não é dividido ao meio como no caso dos mortos-vivos.

• Os lobisomens alimentam seus poderes naturais com a Gnose, uma medida da sua energia espiritual inata. Esta Gnose é uma "bateria" de várias qualidades, como os pontos de sangue. Os lobisomens readquirem Gnose por meio de profunda meditação, ou barganhando com os espíritos.

• Aparentemente, os Lupinos são capazes de cruzar invisivelmente o "mundo dos espíritos", e às vezes surgem do nada, para atacar seus adversários.

• O acônito não é de nenhuma valia contra os Lupinos, porém a prata é, realmente, o seu calcanhar de Aquiles. Os lobisomens não são capazes de absorver o dano causado por armas de prata e não conseguem regenerar tais ferimentos com a rapidez habitual.

• Os Lupinos podem recorrer a estranhos poderes místicos, não muito diferentes das
Disciplinas dos Cainitas e, se tiverem tempo, podem elaborar alguns rituais à semelhança da Taumaturgia. Esses poderes dependem da área de especialização e podem ser representados por Disciplinas – assuma que um batedor tem alguma
afinidade com Ofuscação, um xamã com a Taumaturgia etc.

LOBISOMEM ADOLESCENTE

Atributos (humanos): Força 3, Destreza 3, Vigor 3, Carisma 2, Manipulação 2, Aparência 2, Percepção 3, Inteligência 2, Raciocínio 3.

Habilidades: Prontidão 3, Empatia com Animais 2, Esportes 2, Briga 3, Ofícios 2, Esquiva 2, Armas de Fogo 2, Intimidação 3, Investigação 2, Liderança l, Linguística l, Armas Brancas 2, Ocultismo l, Furtivídade 3, Sobrevivência 3

Disciplinas Equivalentes: Rapidez 3, Potência l, Metamorfose 4

Humanidade: 7, Força de Vontade: 5, Gnose:4

LUPINO VETERANO

Atributos (humanos): Força 4, Destreza 4, Vigor 4, Carisma 3, Manipulação 2, Aparência 3, Percepção 4, Inteligência 3, Raciocínio 4

Habilidades: Prontidão 3, Empáfia com Animais 3, Esportes 2, Briga 4, Ofícios 2, Esquiva 2, Expressão l, Armas de Fogo 2, Intimidação 3, Investigação 2, Liderança l, Linguística l, Medicina l, Armas Brancas 3, Ocultismo 3, Furtividade 3, Sobrevivência 4

Disciplinas Equivalentes: Rapidez 4, Potência 2, Metamorfose 4

Humanidade: 6, Força de Vontade: 7, Gnose:6

METAMORFO ANCIÃO

Atributos (humanos): Força 9, Destreza 8, Vigor 8, Carisma 5, Manipulação 3, Aparência 3, Percepção 9, Inteligência 7, Raciocínio 8

Habilidades: Prontidão 5, Empatia com Animais 5, Esportes 2, Briga 5, Ofícios 2, Esquiva 5, Expressão 2, Armas de Fogo 1, Intimidação 5, Investigação 2, Liderança 3, Linguística 1, Medicina 2, Armas Brancas 5, Ocultismo 5, Furtividade 5, Sobrevivência 5

Disciplinas Equivalentes: Rapidez 5, Dominação 2, Fortitude 5, Ofuscaçáo 5, Potência 5, Metamorfose 5, uma outra Disciplina 5

Humanidade: 7, Força de Vontade: 10, Gnose: 10

FESTINS PERIGOSOS

O sangue Lupino é um material potente e exerce grande fascínio sobre os Cainitas. O sangue de um lobisomem é tão rico, que embora o seu corpo só contenha o volume correspondente a 10 pontos de sangue, um vampiro é capaz de extrair até 25 pontos de sangue do Lupino antes de secar completamente suas veias. Mesmo que um Cainita só disponha de tempo suficiente para dar uma sugada de um ponto de sangue, ele ganhará dois pontos para a sua reserva. Entretanto, o poder sobrenatural do sangue dos lobisomens também o torna um vinho perigoso.

Um vampiro que se alimente de sangue de lobisomem fica muito mais suscetível a entrar em frenesi e ao Rõtschreck enquanto houver sangue lupino em seu organismo. Cada ponto de sangue lupino aumenta a dificuldade para resistir ao frenesi em um ponto - é isso mesmo, se um personagem beber somente dois pontos de sangue do volume total de um Lupino, a dificuldade dos seus testes para resistir ao frenesi aumenta em dois pontos.

Mesmo que o vampiro seja bem sucedido em sufocar a sua Besta, ele se torna paranóico e irascível enquanto o sangue permanecer em seu organismo. Em alguns casos, certos vampiros chegaram a adquirir perturbações temporárias por terem se alimentado de licantropos particularmente irritadiços. Correm boatos de que o sangue Lupino é capaz, inclusive, de proporcionar níveis de Potência ou Rapidez. Entretanto, nem sempre isso acontece. Parece que essa capacidade está relacionada com a própria linhagem do lobisomem e depende do grau de pureza de sua herança. Infelizmente para os pretensos caçadores, os Lupinos de linhagens mais puras costumam ocupar posições de
liderança em suas matilhas e, francamente, descartar os escalões inferiores para ir atrás do líder é o tipo de decisão que costuma ser fatal.

Outras informações sobre os Lobisomens adotados em nosso jogo podem ser obtidas através do livro Lobisomem O Apocalipse. Os Lobisomens adotados em nosso jogo são todos da Tribo Wendigo.

_________________
Bem-vindos aos Jogos!!!
avatar
Mestre do Jogo
Administrador

Masculino
Câncer Macaco
Número de Mensagens : 1051
Data de nascimento : 28/06/1980
Idade : 37
Localização : À procura de jogadores
Emprego/lazer : Mestre de Jogos
Humor : O melhor possível
Data de inscrição : 13/12/2008

RPG
Geração: Antediluviano Antediluviano
Clã: Administradores Administradores

Ver perfil do usuário http://vampiro.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum